Entre linhas 

O dia dela sempre começa tão ensolarado e acaba tão nublado.
Existem dias bons, mas a maioria deles, ela pensa” o que eu sou?” “Porque eu tenho tantos defeitos?” ” Porque logo eu? ” “As coisas não podiam ser só um pouquinho mais fáceis pra mim? ”

Cada dia a culpa de ser ela mesma é maior, ela só queria poder sair correndo dali ,ir pra um lugar em que nada nem ninguém fosse fazê-la sofrer. Nunca mais.

Às vezes ela é apenas uma caixa vazia, daquelas que ficam bem escondidas no quarto? Ela só queria não ser ela… 

Ela só queria…

Ela tem tantas cobranças para que seja perfeita, tradicional, mas, ela é só uma garota, que luta pelo que acredita que quer descobri o mundo. E sim, ela falha, ela age por impulso, ela repete o erro, e se machuca cada vez que isso acontece.
Às vezes, somente por um tempo, ela queria ser ela mesma, ela queria parar de tentar ser a “menina ideal”. As lembranças do passado ainda assombravam a cabeça dela.
Todos os dias ela agia cautelosamente para que não sofresse como um dia já sofreu, ela disse aos quatro ventos que aquilo já tinha superado, e que no coração dela havia luz de novo. Mas será mesmo?
Ela só tinha 15 anos, e tudo que ela queria era fugir de tudo, ela tinha medo, medo de ficar sozinha novamente, de perder sua vontade de viver como um dia já perdeu.
Quantas vezes essa menina voltou atrás em decisões por medo da solidão? Mas a solidão não era tão aterrorizante assim, ela podia sim, ser feliz com a própria companhia e assim, pode descobrir o mundo. O seu mundo!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Um novo ano,um ano novo!

O tempo passou, e um novo ano começou. A empolgação das festas de final de ano passou, e o que restou-nos foi a ansiedade para saber como serão as coisas em 2016.
Aah o tempo…ele é capaz de nos deixar marcas para sempre.Lições,lembranças,memórias…
E ai?Em 2016 o seu tempo, vai ser para esquecer coisas ruins, ou para nunca se esquecer de lembranças extraordinárias?
Faça do seu tempo, um bom tempo. Faça-o valer a pena, faça do ano, o SEU ano.
Não importa o quanto exigimos atitudes dos outros nunca será o bastante sabe por quê?Jamais podemos esperar de alguém algo, assim você criara expectativas e como diz a famosa frase, quanto mais alto, mais dolorido o tombo! Espere sempre algo de si próprio, se cobre, e realize.
Estamos acostumados a culpar o “destino” sobre nossa infelicidade, mas se culpe. Quem faz de um ano, um bom ano, é você.
Corra atrás dos seus objetivos, e se não deu?Continue, acredite!
A partir do momento em que paramos de nos vitimizar, culpar os outros por o que errado, e principalmente, esperar algo cair do céu. Ai sim, a vida sorri para nós. O “destino” te faz cada dia melhor, e mais feliz. E nesse momento você se torna um ser humano forte. Capaz de conseguir o que quer. Ser BEM SUCEDIDO.
O que seria ser BEM SUCEDIDO para você?
Ser rico?Ou trabalhar com o que você gosta?Ser badalado?Ou ser feliz?
Troque o seu sonho pela concretização de realiza-ló!
Um bom ano a todos, que vocês sejam acima de tudo… FELIZES!
Ana Julia Alves ❤

Respira,e não pira!

Sabe quando parece que tá tudo dando errado e o mundo conspirando conta você?
Isso acontece ás vezes, mas acredite,tudo vem de você.
Das suas atitudes e da sua energia, pergunte a si mesmo, qual energia que você carrega? E o mais importante,qual a que você transmite?
Calma,as coisas vão se ajeitar. Erros,são provas de que você está tentanto.Não desista!
Quando algo ruim acontece,você tem três escolhas: deixar isso definir você,deixar isso destruir você ou fazer de você mais forte.
Digo por mim, quantas vezes eu pirei,pela pressão, mas não,isso não pode definir você!
Seja feliz meus amores, vamos colocar esse sorriso na cara,e lets go! A vida é assim, cheio de altos e baixos, mas não caia nesses pequenos morros que ela te proporciona, não desista, não pira!
Quando até o sapato tenta te derrubar,anda sozinho,anda descalço,anda pelado, só não para de andar!
Comece agora,continue seu caminho e não deixe ninguém te puxar para trás!

AtcFvfytKeQXIYIT6k-8DXTnHdGsXSzVGtYPGRxyxRAK

MUDE,EVOLUA!

Será que ainda do tempo de mudar Aprendi que sim!Nunca é tarde. Podemos estar sempre amadurecendo, evoluindo e desbravando novos caminhos. Mas é preciso coragem, para querer navegar em um mar que até então era desconhecido. Se acostume, você cresceu, nós crescemos. Não podemos mais agir como uma criança indisciplinada. Temos que agir de uma forma mais madura, independente da sua idade, faça como eu estou tentando fazer a cada dia, mudar. A males, que vem pra bem, acredite. Há coisas na nossa vida que é preciso enfrentar, obstáculos que temos que pular. O importante, é você saber que toda historia ruim, você pode tirar algo bom. Eu mudei! Pena que talvez isso tenha me custado um ano, em que ao invés de estar vivendo de corpo e alma, eu estava fazendo coisas negativas. Com pessoas que não mereciam, pessoas que nunca fizeram nada de mal para mim. Perdi um ano em que tive chance de fazer amigas,de verdade.E quanto a isso,eu só tenho a me desculpar. Na real,estamos em uma novela,a novela da vida. Na minha novela,tenho certeza que Deus reservara um roteiro muito feliz. Tenho fé,que o que ele reserva para meu futuro,são dias como hoje,felizes. O meu MUITO obrigado,a todos que estão sempre caminhando do meu lado,me apoiando,me ensinando o verdadeiro sentido da vida, que com certeza não são bens materiais! O maior bem, que um ser humano pode ter o dinheiro não compra que é: AMOR! Amigos, colegas, e talvez alguns que hoje são somente desconhecidos,a que fez parte da minha história. Eu só tenho a agradecer e me desculpar,por tudo. Por isso,como conclusão deixo para vocês, ame mais, viva como se fosse o primeiro dia da sua vida. Um beijo,e façam como eu. Aproveite a nova fase da vida de vocês,nunca é tarde para Evoluir. Nunca deixem de sonhar!Nunca deixem que a ROTINA leve seu sorriso diário de criança! Aproveite mais quem você ama! Hoje, terminando esse texto, me sinto realizada como ser humano,mas sei que muitas coisas ainda estão por vir! Beijos, e até mais !
frases-de-reflexo-27 Ana Júlia Ferreira Alves 17/05/2015

MAIS AMOR,POR FAVOR!

Às vezes eu quero tanto vestir alguma roupa, mas não uso com medo do que os outros vão achar.
Às vezes eu quero tanto fazer algo, mas não faço porque tem alguém olhando.
Às vezes eu quero tanto dizer algo, mas não digo por que tenho medo de como serei interpretada.
Será que esse ÀS VEZES não está se tornando  SEMPRE?
Estamos SEMPRE nos importando com o que os outros vão pensar, estamos SEMPRE nos importando com o julgamento que a sociedade vai fazer de nós, e às vezes esquecemos que quem tem quer estar bem com nós mesmos.
Sou uma pessoa que prega muito a sinceridade, em minha opinião é o valor mais importante de alguém.
Mas espera, será que porque eu sou sincera eu posso me achar no direito de invadir o espaço do outro e dizer o que ele é?
Você pode ser sincera sem machucar os outros, você pode ser sincera sem ofender ninguém. Sinceridade é totalmente diferente de falta de educação.
Quando alguém é diferente dos padrões impostos pela sociedade, nós temos o “instinto” de PRÉ JULGAR as características do individuo. Mas espera, isso é um modo correto de agir?
Não, não é!
Acontece que as pessoas são criadas assim, achando que julgar alguém sem conhecer é algo normal, e não é.
Achando que a pessoa é sempre o que ela aparenta ser.
Ninguém conhece ninguém somente pela aparência, todo mundo tem uma historia, uma personalidade por trás dessa casca, que chamamos de aparência.
Só porque você está com o seu grupo de amigos, você se acha no direito de “zuar” o outro, por puro capricho de ser o engraçadinho da turma?
“Olha lá, ele deve ser rico, porque uma menina bonita dessa com esse cara feio.”
Feio? Pra ela, ele é o cara mais perfeito do mundo. Cada um tem sua beleza, somos diferentes e isso é normal.
Imagina só um mundo só com Angelina Jolie?
Hoje em dia seus pais já criam seus filhos ensinando como eles devem ser magros, cabelo liso, e sei lá mais o que.
Vamos lutar por um mundo em que cada um pode ser o que ele quiser, vamos lutar por um mundo que você possa criar seu filho para que ele seja um ser humano melhor, que ele se importe com os outros, que ele seja uma pessoa com virtudes e valores.
Não quero ter um rosto lindo, quero tem uma mente linda, principalmente LIMPA, ás pessoa precisam ser mais inocentes, com essa maldade do mundo a gente aprende sempre a ver o lado ruim de tudo, a maldade em tudo.
Vamos ver mais inocência nos outros, mais pureza, mais amor, por favor!
tumblr

O corpo perfeito+Contando sobre o bullying

Oi meninas,tudo bom? Hoje estou para falar sobre o ”corpo perfeito” e incluindo nesse meio o bullying(é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo.Via Wikipedia). Então gente, eu não consigo direito falar desse assunto,pois é muito difícil para mim,porque é uma coisa muito pessoal. Mas estou percebendo cada vez mais que as meninas estão muito fixadas nesse padrão de beleza,eu sou considerada uma menina ..gorda..(Ai que difícil falar disso). Eu, ja sofri e sofro muito bullying por ser uma menina um pouco diferente do padrão de beleza,e EU posso dizer,por experiencia própria,é muito ruim!É humilhante a classe inteira olhar para você e rir, falar “Olha a gordinha”.  O fato é, eu cheguei a conclusão que ainda existe gente que eu considero como animais, racionais,mais são animais! Antes de fazer alguma ”brincadeirinha” com alguém, pense, por isso pode magoar profundamente! Eu nunca gostei que as pessoas tivessem dó de mim,então o fato foi: Eu me afastei de quem não queria meu bem. E a minha experiencia com essa,digamos: DOENÇA. Foi e é bem dolorosa,mas estou superando os desafios, e era isso que eu queria contar para vocês! Mas antes de encerrar esse assunto queria dizer: A feia,ficou bonita,a gorda,emagreceu, mas o que a gente tem na cabeça, nada, absolutamente nada vai mudar! A não ser que você queira, e corra atrás disso.. Então para você que se acha a ultima bolacha do pacote:Imagem Vamos falar agora do corpo perfeito, A busca do corpo perfeito é incentivada de várias maneiras e se torna para alguns um objetivo de vida. Pouco tempo atrás, um conhecido colunista lamentava constatar que, na pequena cidade do interior que ele frequentava, o número de livrarias tinha caído sensivelmente, enquanto o número de academias tinha explodido. O multiplicar-se de produtos de beleza, de SPAs, academias e de tratamentos que visam os cuidados físicos são sinais de quanto o “corpo perfeito” tenha se tornado um objeto de consumo que sustenta uma lucrativa rede de negócios. Em contraposição a esse fenômeno, dados estatísticos recentes apontam para um preocupante crescimento da população obesa em nosso país (incluindo crianças), um fenômeno preocupante para a saúde pública que já tinha sido detectado em outros países desenvolvidos. Tudo isso mostra o quanto a relação com o corpo seja complexa e, em alguns casos, problemática. A experiência de “habitar” um corpo, apesar de parecer espontânea, depende de algumas condições ligadas aos cuidados que o ser humano recebe desde o seu nascimento. Ao nascer, o bebê de fato não tem noção do próprio corpo. Ele nasce em um estado psíquico de fragmentação, se sentindo cindido, embora tenha inscrito no próprio psiquismo um potencial de integração, que, para se desenvolver, precisa da participação ativa da mãe e do ambiente. É através dos cuidados maternos que envolvem o seu pequeno corpo (pegar no colo, levantar/baixar, higiene, etc.) que ele vai desenvolvendo, em um primeiro momento, a sensação de “ter” um corpo e, sucessivamente, de “ser” um corpo. Ter um corpo não é igual a ser um corpo. O ter um corpo ainda supõe uma separação entre o Eu e o corpo, enquanto ser um corpo indica a possibilidade do Eu habitar o seu corpo. É no tratamento dos obesos que mais aparece a triste condição de ter um corpo. Sem querer minimizar eventuais fatores genéticos, do ponto de vista psíquico, geralmente o obeso não habita o seu corpo. Poderíamos quase dizer que é habitado por ele, como um encosto. Ele levanta de manhã e veste o seu corpo, como uma roupa gasta e pesada, para arrastá-lo com ele o dia todo. Por outro lado, a idealização do corpo perfeito também pode se inscrever na experiência de ter um corpo. O corpo ideal passa a ser um “objeto” de consumo, algo separado do Eu. Por alguns é percebido como algo a ser perseguido e não como uma forma harmoniosa de ser si-mesmo. Na experiência clínica percebo por exemplo como, para muitos, ir á academia seja mais uma obrigação persecutória do que um momento prazeroso de encontro consigo mesmo. Desenvolver uma relação saudável com o próprio corpo supõe poder se sentir vinculados a ele e poder escutar suas mensagens que nos dizem exatamente quais são suas necessidades. Obviamente, esta escuta não é sempre possível. Ela pode ser conturbada por ”necessidades” inconscientes, que atrapalham nossa relação com o corpo e impedem a escuta. A terrível sensação de vazio proporcionada pela depressão ou, pior ainda, pela melancolia pode, por exemplo, ser compensada por uma “necessidade” de comer de maneira desregulada. Então gente,seja feliz com você,com seu corpo,seu cabelo,sua boca, não procure ser alguém.. seja VOCÊ ! BeiJus ❤